skip to Main Content
DIVERTIR-SE: O Segredo Para Impulsionar Sua Imunidade E Casamento

DIVERTIR-SE: o segredo para impulsionar sua imunidade e casamento

Sabemos que pode parecer contra-intuitivo pensar em se divertir, já que essa pandemia continua se desenvolvendo de uma maneira tão assustadora e séria. Quanto mais aprendemos sobre como esse inimigo invisível está atacando todos nós no mundo, nossos níveis de estresse e ansiedade continuam a subir e entramos no modo de sobrevivência. Mesmo para aqueles que são capazes de permanecer relativamente calmos e centrados, existe um sentimento de preocupação subjacente que cria um aumento nos níveis de cortisol e nos afeta emocional e fisicamente.

O problema com esse nível contínuo de estresse é que ele aumenta nossos níveis de cortisol, reduzindo nossa imunidade e diminuindo nossa vibração. Quando abaixamos nossa vibração, atraímos pensamentos e emoções com baixa vibração, tornando-se muito mais fácil entrar em discussões, ver o negativo em nós mesmos e em nosso parceiro, aumentar a ansiedade, tomar más decisões, etc. Então, qual é o antídoto? Como vamos além desse estresse contínuo que parece estar piorando?

Acredito que se divertir pode ser um dos ingredientes mais importantes e subestimados de qualquer relacionamento – e trazer um pouco de diversão ao seu relacionamento, especialmente durante uma crise como a que estamos enfrentando, é mais importante do que nunca.

Alguns especialistas em relacionamento dizem que a diversão pode ser a maior influência na satisfação conjugal geral. De fato, se divertir traz muitos benefícios para um relacionamento e para nós mesmos. A diversão não apenas produz prazer, como também aumenta a satisfação dos laços e relacionamentos, promove a espontaneidade, a amizade e a intimidade entre os parceiros.

Em meu trabalho como terapeuta de Família e de Casal eu noto que o bom humor vai se perdendo na medida em que os estresses cotidianos são mais presentes. Uma das minhas abordagens iniciais é justamente resgatar o bom humor e simples sentido de estar juntos com alegria.

No entanto, parece que muitas pessoas têm barreiras para se divertir. A resistência a se divertir surge por várias razões diferentes. Por exemplo, um homem que acredita que a diversão é improdutiva e que é uma perda de tempo. Essa crença veio de seu pai, viciado em trabalho, trabalhando 18 horas por dia e 24 horas por dia, sete dias por semana.

Este homem diz: Acho que nunca vi meu pai se animar e se divertir. Obviamente, herdei esse senso de trabalho e cheguei à conclusão de que brincar era uma perda de tempo e basicamente improdutivo. Eu tive que trabalhar duro para reverter isso ao longo dos anos. Minha esposa me provoca que tenho que me esforçar para me divertir, é verdade e estou agradecido por ela me ajudar com isso, porque em nosso curto período de tempo juntos, houve uma grande diferença!

Outra razão pela qual é difícil para alguns se divertirem é que ficamos presos em nossas cabeças – e é difícil para nós entrar naquele espaço centrado no coração que vivíamos tão naturalmente quando crianças. Adoramos o sorriso no rosto de um bebê, porque é puramente do coração e eles têm a capacidade de nos olhar com puro amor e alegria. Perdemos isso à medida que envelhecemos e assumimos as responsabilidades e preocupações de crescer e construir uma vida. Adotamos a crença de que a vida é difícil ou assustadora. Quando estamos mais velhos, é fácil ver em nosso rosto quem perdeu a capacidade de se divertir e quem não.

Então, como priorizamos a diversão e trazemos leveza para nossas vidas estressadas em casal?

No livro, The Mindful Couple, 52 Strategies to Real Love and Connection, são abordados alguns exercícios que ajudam a trazer mais diversão à sua vida. Aqui estão alguns exemplos:

Defina a intenção de se divertir

Acredito que é mais provável que a diversão aconteça se estabelecermos uma intenção diária, um dos exercícios mais importantes. Simplesmente acorde de manhã e diga sua intenção um ao outro. Pode parecer algo como:

Vou manter a luz interior hoje e encontrar humor naquilo que vemos e fazemos.

Quando eu interagir com meu parceiro, vou mantê-lo leve, amoroso e conectado.

Vou sorrir e rir mais hoje e apontar coisas engraçadas.

Vou jogar com meu parceiro de maneiras simples que nós dois apreciamos.

As palavras reais que você usa para definir essa intenção são muito pessoais – e, embora possam ser as mesmas que o seu parceiro usa, você deseja garantir que elas tenham repercussão para você. Então, defina suas intenções em torno da diversão em particular primeiro e depois compartilhe.

Descubra os obstáculos

Outro exercício que incentivo a fim de tornar o divertimento uma prioridade é discutir as perguntas: “Quais obstáculos atrapalham o modo de se divertir?” e “O que estamos dispostos a fazer sobre isso?”.

Por exemplo, um parceiro pode dizer: “Gosto de dançar e você não”, “Gosto de tocar música alta e você gosta de silêncio”, “Gosto de jogar jogos de tabuleiro e você prefere pular de um penhasco do que Jogar um jogo.” 

Ou, o obstáculo pode estar na hora. “Tenho mais trabalho a fazer do que antes”, “estou muito ocupado com as crianças e a lição de casa” ou “quando o dia termina, estou cansado demais para me divertir”.

Quaisquer que sejam os obstáculos, em vez de usá-los como um motivo para não se divertir, veja onde você pode projetar e se encaixar em algo que seria divertido.

Amplie suas possibilidades para satisfazer seus desejos

Imagine o casal Ana e Marcos. Ambos têm ideias bem diferentes sobre o que é divertido. Por exemplo, Ana desfruta de um ótimo copo de vinho e um bife. Marcos pode se sair bem sem os dois, mas, reconhecendo o quão importante e divertido é para Ana, agora temos muitos bifes e ótimas garrafas de vinho alinhadas para alguns jantares agradáveis. 

O interessante desse exemplo é que, com o tempo, bife e uma ótima garrafa de vinho também estão se tornando uma das maneiras favoritas de Marcos de relaxar e se divertir. Quando expandimos e compartilhamos atividades que nossos parceiros acham divertido, muitas vezes eles se tornam divertidos para nós também.

Identifique atividades divertidas

Recomendo que vocês dois listem separadamente 10 atividades divertidas que gostariam de fazer juntos e depois compartilhem sua lista. Mesmo agora, isoladamente em casa, há tantas atividades que vocês podem fazer que podem ser divertidas se vocês estiverem dispostos a dedicar algum tempo para fazê-las juntos. Exemplos:

  • Coloque música e dance fora no quintal
  • Karaokê juntos (basta baixar um aplicativo para isso!)
  • Faça um piquenique interno
  • Passe algum tempo na piscina / jacuzzi
  • Tomar café da manhã na cama
  • Faça 20 perguntas
  • Faça um quebra-cabeça
  • Tome um banho de espuma com champanhe, velas e música
  • Tenha um dia sem telefone
  • Meditar juntos
  • Experimente uma nova receita como uma surpresa para o outro
  • Faça uma aula virtual de exercícios juntos
  • Faça uma aula virtual juntos como um novo idioma ou aprendendo um instrumento
  • Assista a um ótimo filme
  • Limpe a casa. 

A lista continua e continua. É tão limitado quanto sua criatividade e imaginação. Se você acha que a ideia de diversão de seu parceiro é diferente da idéia de diversão, então vocês dois escolhem uma ou duas coisas da lista de parceiros que adorariam fazer. Também pode haver algo que pode não ser sua primeira escolha, mas faça-o assim para fazer seu parceiro sorrir.

Por mais louco que possa parecer, há muito espaço para diversão, leveza e diversão, mesmo em meio a uma crise – e acreditamos que pode ser um dos momentos mais importantes para trazer esses ingredientes para o seu relacionamento. 

Por quê? Divertir-se aumenta o sistema imunológico, diminuindo o cortisol e aumentando a dopamina e a serotonina. Portanto, incorporar mais diversão em suas vidas não apenas cria mais amor e conexão, mas aumenta suas chances de permanecer saudável e passar pelo momento mais louco em que estamos vivendo. Ao desenvolver o hábito de nos divertirmos agora, estamos criando uma maneira de criar uma conexão mais amorosa além do tempo deste vírus.

Mantenha-se saudável … e divirta-se!