skip to Main Content
Técnicas Fundamentais Para Proteger A Emoção E Filtrar Estímulos Estressantes

Técnicas fundamentais para proteger a emoção e filtrar estímulos estressantes Em tempos de instabilidade em todos os campos, ter segurança emocional é a chave para uma vida saudável.

Será que cuidamos com seriedade da nossa saúde mental como cuidamos das outras coisas? Raramente. Até médicos e profissionais de saúde mental, que têm a responsabilidade de cuidar da saúde dos outros, têm dificuldade para cuidar da própria qualidade de vida. Muitos exigem demais de si, trabalham excessivamente, não filtram estímulos estressantes, não administram seu tempo e sua ansiedade.

Olhe para sua experiência de vida. O que você tem feito para ser uma pessoa mais estável, tranquila e segura? Muitos fazem seguro da casa, de vida, do carro, mas nunca seguraram sua emoção. Você sabe proteger sua emoção? Ela é seu bem mais valioso?

Proteger e administrar a emoção é:
1. Submeter a emoção ao gerenciamento do Eu.
2. Ser livre para sentir, mas não prisioneiro dos sentimentos.
3. Usar habilidades para filtrar estímulos estressantes.
4. Gerenciar os focos de ansiedade.
5. Dar um choque de lucidez em nossos medos, angústias, ansiedade, agressividade, dependência.
6. Desenvolver a solidariedade, o altruísmo, a tolerância, a capacidade de se colocar no lugar dos outros.
7. Preservar a juventude no único lugar em que não é admissível envelhecer: no território da emoção.
8. Superar o cárcere da emoção para ser livre no único lugar em que não é admissível ser um prisioneiro.

5 técnicas indicadas por Augusto Cury para proteger a emoção e filtrar estímulos estressantes:

1. Doar-se sem esperar a contrapartida do retorno

Quem espera excessivamente o retorno ou o reconhecimento dos outros, em especial dos mais íntimos, pode não ter qualquer proteção emocional, pequenos problemas o afetam e o frustram muito. Doar-se para os filhos, alunos, parceiro(a), amigos, colegas, mas diminuir tanto quanto possível a expectativa do retorno é fundamental para filtrar estímulos estressantes nas relações sociais.

2. Nunca exigir o que os outros não podem dar

Exigir serenidade, lucidez e coerência de uma pessoa no exato momento em que ela falhou, tropeçou ou se irritou é uma invasão de privacidade e uma fonte de decepções. Nesse momento ela está sequestrada por uma janela traumática, ou Killer, o volume de tensão bloqueou milhares de janelas Light e, portanto, não tem condições de dar uma resposta inteligente. Esperar o foco de tensão passar para depois intervir é uma expressão solene de quem aprendeu a gerenciar e amadurecer sua emoção.

3. Não agir pelo fenômeno bateu-levou, ação-reação

Estamos viciados em reagir quando alguém nos contraria. Ação e reação são ótimas para a física, mas péssimas para as relações humanas. Quem é impulsivo ou reage sem pensar, além de não proteger sua emoção, fará dela uma lata de lixo social e destruirá seus melhores relacionamentos. Você pode ter 100 atitudes saudáveis, mas, se reagir grosseiramente uma vez, poderá asfixiar todas as positivas. Lembre-se de que nos primeiros 30 segundos de tensão podemos cometer os maiores erros de nossas vidas, dizer palavras que jamais deveriam ser expressas para quem amamos. Faça a oração dos sábios, o silêncio, nos momentos de conflito.

4. Conquistar primeiro o território da emoção, depois o da razão: surpreender positivamente antes de criticar

A melhor maneira de contribuir com alguém que nos frustrou não é apontar a falha, pois tal atitude invade a privacidade e expande a janela Killer. A melhor atitude é surpreender, elogiar, mostrar seus valores, e no segundo momento apontar suas falhas. Quem rompe o cárcere do fenômeno bateu-levou e surpreende as pessoas que o frustraram se torna um conquistador, marca suas histórias, encanta-as.

5. A maior vingança contra um inimigo é perdoá-lo (primeiro passo) e elogiá-lo (segundo passo)

Já citei esta ferramenta e reafirmo: a aplicabilidade dela pode não melhorar seu ofensor, desafeto ou inimigo, mas certamente mudará você, protegerá sua emoção, filtrará estímulos estressantes e melhorará seu sono e seu humor. Lembre-se: os frágeis condenam, os fortes perdoam. E os sábios? Encontram motivos para elogiar. Eles saem do rol dos comuns.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *