skip to Main Content
Sete Dicas Para Entender Expressões Faciais

Sete dicas para entender expressões faciais

A habilidade de compreender expressões faciais é parte crucial do processo de comunicação. Seja em um casamento ou em uma importante reunião de negócios, enxergar além das palavras te dá uma grande vantagem para entrar em acordos verdadeiramente bons para ambos os lados. Afinal, reconhecer as necessidades do outro, talvez mais até do que ele está dizendo, é um grande passo para negociações eficientes.

Se você apenas ouve o que o outro está dizendo e ignora o que suas expressões estão falando, você tem apenas metade da comunicação. Ainda, frequentemente, a face não combina com o que as palavras dizem, ou seja, a face “trai” os sentimentos reais do outro.

ANSIEDADE

Um fator complicador no diálogo ou nas negociações (são sinônimos, sejamos honestos) é a ansiedade. Quem sofre de ansiedade tem muito mais dificuldade em prestar atenção às expressões faciais. Você pode medir sua capacidade de leitura do outro analisando quanto tempo consegue manter contato visual, o bom e velho “olho no olho”. Caso isso seja difícil, não custa lembrar que um bom exercício de respiração e foco exclusivo no que está fazendo já ajudam bastante a ampliar as chances de sucesso comunicacional.

A importância das expressões faciais

O ritmo e o andamento da conversa devem sempre seguir as emoções do outro. Ao compreender as expressões faciais e ler as emoções, você saberá que, frente ao tédio ou à tristeza, não há campo para acordos ou extensos argumentos. Seja empático sempre. Observe, interprete, coloque-se no lugar do outro e, daí,  prossiga a conversa.

Sete dicas para te ajudar a entender as expressões faciais

Pesquisas do Dr. Paul Eckman nos ensinam que existem expressões universais, que cruzam diferenças culturais e individuais — até mesmo deficientes visuais possuem estas expressões.

Há sete expressões conhecidas universalmente e que são inatas, e três partes do rosto a elas relacionadas. As emoções são: alegria, surpresa, tristeza, medo, raiva, desprezo e repulsa e as áreas do rosto são: testa/sobrancelhas, olhos/pálpebras e a parte inferior do rosto. Conheça-as e aplique seus conhecimentos daqui pra frente para tornar sua comunicação eficiente.

MICROEXPRESSÕES

As microexpressões são expressões faciais muito rápidas e involuntárias que são produzidas como manifestação de uma emoção que estamos sentindo. Na maioria das vezes, principalmente quando mentimos, essas microexpressões aparecem de forma sutil e controlada. Portanto, é preciso treinar seu olho para que identifique cada uma dessas microexpressões.

Nojo – Uma das expressões mais fáceis de identificar por se concentrar basicamente na boca e nariz. Uma das principais características é o nariz enrugado e o lábio superior levantado. Ela também pode ser utilizada em desaprovação a algo ou alguém.

Raiva – A sobrancelha é um dos pontos principais dessa microexpressão. Normalmente, nós baixamos e juntamos a sobrancelha, fazendo um movimento de franzir a testa. Todo o rosto fica bem tenso. Tensão que também pode ser vista na boca com os lábios separados e dentes apertados.

Medo – Assim como a raiva, essa é uma das microexpressões que traz forte tensão às sobrancelhas, mas com uma importante diferença. No medo, os olhos são arregalados, sinal de atenção, e a boca fica mais solta instintivamente.

Tristeza – Você tem uma grande facilidade de identificar tristeza em pessoas conhecidas? Isso porque é uma das microexpressões mais difíceis de esconder. As sobrancelhas juntam no meio, mas de forma sutil e a boca fica um pouco arqueada para baixo.

Alegria – Uma forte característica da alegria é o famoso pé de galinha, aquelas ruguinhas ao lado dos olhos arregalados. Quando a alegria é falsa, não surgem essas rugas. Sem contar a famosa curva pra cima nos lábios. Quanto maior a alegria, maior essa curva.

Surpresa – Quando demonstramos surpresa, a boca fica solta e aberta como no medo, mas a principal diferença está nas sobrancelhas que ficam arqueadas e com os olhos bem abertos.

Desprezo – O segredo dessa microexpressão está na parte inferior do rosto. A principal característica é um meio sorriso, com apenas um lado da boca arqueado.

Melhore sua capacidade de comunicação com inteligência emocional. Conheça as principais ferramentas para diálogos e negociações eficientes com a psicopedagoga Dolores Bordignon. Entre em contato, conheça as palestras e workshops ministrados pela psicopedagoga, bem como os cursos da escola Menthes Porto Alegre. Não perca.

>> Siga Dolores Bordignon no Facebook e acompanhe as discussões! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *