skip to Main Content
Por Que A Vida Sexual Esfria Depois Da Chegada Dos Filhos? Saiba O Que Fazer

Por que a vida sexual esfria depois da chegada dos filhos? Saiba o que fazer

Quando o momento é o da chegada de um bebê a situação tende a ser mais complicada e, muitas vezes, é dela que se originam diversos problemas que podem perdurar ao longo da vida a dois. Naturalmente o nascimento de um filho dispersa a atenção dos pais e assim altera a vida sexual do casal.

Não é apenas pelas questões práticas, mas também as questões hormonais, físicas, emocionais e até mesmo de prioridades, colaboram para que muitas mães sintam-se exaustas e percam a disposição tanto para o sexo quanto para o romantismo.

Durante os primeiros meses do bebê, a ausência de sexo é até considerada normal, porém, ambos devem esforçar-se para não deixarem este momento, que é transitório, afetar a intimidade, o romantismo e o diálogo entre o casal.

É importante que ambos se esforcem para compreender que as mudanças iniciais não significam o fim do relacionamento ou falta de amor, mas sim um período de adaptação que pode ser superado. Aos poucos, os momentos difíceis vão ficando para trás e o casal consegue superar as dificuldades iniciadas com a chegada do bebê.

Tenho trabalhado nas minhas redes sociais uma série de vídeos que falam justamente sobre todos estes aspectos de uma relação, do cotidianas à vida íntima, tão importante. 

Casamentou OU filhos?

Se antes vocês tinham todo o tempo do mundo para se curtir, viajar, namorar e até ter aquelas briguinhas de namorado, agora com os filhos, os problemas, as expectativas, o dinheiro e o dia a dia serão todos compartilhados, o que inevitavelmente cria situações de mal estar e pode saturar a convivência, diminuindo o impulso sexual.

Com a chegada dos filhos, o tempo livre diminui radicalmente, ao mesmo tempo em que as responsabilidades aumentam sensivelmente. Após um dia de rotina e trabalho somado às demandas dos filhos, é comum que tanto a mulher quanto o homem cheguem ao final do dia, quando estarão finamente juntos, exaustos. E nesses casos, fica difícil exigir de um ou de outro uma grande vontade e empolgação para o sexo.

A questão não é casamentou ou filhos, mas sim buscar o espaço de cada coisa, sem esquecer das responsabilidades.

Achou que ficou muito difícil? Calma que tem jeito. Com um pouco de organização e boa vontade de manter seu relacionamento feliz e sexualmente ativo, dá para driblar os problemas seguindo algumas dicas simples, mas que podem dar ótimos resultados.

Confira algumas e inspire-se para deixar a sexualidade da sua relação sempre em forma:

Continue se cuidando esteticamente

Isso vale para todo mundo, seja marido ou esposa.

Não é apenas sobre a sua aparência “social”, mas em como nossa aparência induz os nossos estados psicológicos. Vamos fazer com que a nossa aparência seja uma base para nossa personalidade e escolhas.

Afinal, porque tentar melhorar as coisas se você já está mau vestida mesmo?

Todo mundo tem aquela roupa surrada que gosta de usar em casa. A intimidade traz consigo um relaxamento quanto à aparência física, o que é corriqueiro. Também não é possível exigir de nenhum dos dois que estejam sempre bonitos e perfumados quando quase todos os momentos são compartilhados.

Mas essa negligência comum pode influenciar negativamente na atração do casal, que se ama e quer viver junto, mas que não perdeu seu senso estético. Tente evitar que esse descuido seja permanente e que ultrapasse certos níveis fundamentais. Tomando esse cuidado, você não só se sentirá mais atraente para ele, como para si própria.

Nem todo sexo precisa de uma longa noite romântica para ser bom

Numa vida atribulada de casamento, filhos, responsabilidades e tantos probleminhas, usufruir dos momentos possíveis para o sexo é fundamental. Não dá para esperar sempre a hora perfeita, com tempo e tranquilidade, porque essa oportunidade pode demorar dias para chegar.

Apostar nas rapidinhas é uma boa ideia, utilizando os momentos em que estão juntos, no banho ou ao acordar. Procure desfrutar bem dessas oportunidades para manter o interesse sexual entre vocês sempre ativo.

Troquem bilhetes apaixonados

Uma solução simples, e que pode até parecer boba, mas que funciona e muito bem. Coloque recados apaixonados pela casa, dentro do carro ou no espelho do banheiro.

Sempre é uma surpresa deliciosa e faz com que a pessoa se sinta lembrada. Para o efeito ficar ainda mais emocionante, escreva bilhetes sensuais e esconda no bolso da calça que ele estiver usando ou na carteira.

Mas porque não trocas de mensagens pelo Whatsapp? Ou um grupo privado, apena para o casal onde é proibido falar de outra coisa que não paixão e amor?

Passeiem juntos

Não é porque agora vocês são uma família que precisam deixar de fazer o que sempre gostaram. Se antes dos filhos vocês tinham o costume de saírem juntos para comer, dançar ou passear, mesmo que as chances sejam raras, não deixem de aproveitar.

Dessa forma, ninguém vai se esquecer do quanto que o outro é divertido e atraente, do jeito que vocês se conheceram. Nada de encerrar a vida social dentro de casa.

Vale a pena pedir ajuda a um parente ou amiga para ficar com as crianças, para que vocês possam aproveitar para passear a sós. Se houver a possibilidade, passar a noite no motel é uma dica quente e tem o poder de reavivar muito da paixão.

Deitem juntos

Às vezes o dia é tão cheio que o único momento em que o casal pode ficar a sós é na hora de dormir. Uma iniciativa que pode ter um resultado duradouro e eficaz é incluir na rotina que vocês sempre se deitem juntos.

Assim vocês demonstram um para o outro como valorizam esses momentos, reforçam seus laços amorosos e podem aproveitar para finalmente trocarem carinhos. Não deixe que vocês se deitem sempre em horários diferentes, isso pode virar um costume e causar um afastamento cada vez maior.

Conversem sobre a relação, sem cobranças

Em qualquer tipo de relacionamento amoroso, verbalizar sobre sexo é essencial e no casamento com filhos não deve ser diferente. Deixar as questões às claras, as expectativas, os desejos e as dúvidas, continua sendo a melhor opção para manter a intimidade mais fácil e agradável.

Após a chegada dos filhos, muitas dúvidas e receios podem surgir na vida sexual de um casal. A falta de comunicação entre o homem e a mulher dá origem a especulações, decepções, ciúmes e conclusões precipitadas. Se há alguma coisa que te incomoda na em relação ao sexo, respire fundo e converse com ele.

Assim a resolução de um problema será muito mais fácil e essa atitude simples poderá encerrar um problema que talvez nem era tão grave quando parecia.